Jogadores do Flamengo têm sido alvo constante de clubes do Mundo Árabe. Depois de vender Yuri César ao Shabab Al Ahli, avançar nas conversas com o Al Ain para emprestar Michaela, a diretoria está disposta a negociar mais um atleta do atual elenco para um time dos Emirados Árabes. Trata-se de Everton Ribeiro.

Em um documento assinado pelo diretor executivo Bruno Spindel, o Flamengo topou vender Everton Ribeiro ao Al Nasr, de Dubai, por 4 milhões de euros, cerca de 26 milhões de reais, com mais 2 milhões de euros, em torno de 13 milhões de reais, por bonificação, podendo chegar ao total de 6 milhões de euros, que daria 39 milhões de reais. A carta foi enviada ao time dos Emirados Árabes no dia 14 de janeiro e foi endereçada a Saeed Ali Al Amri, CEO do time dos Emirados.

Na declaração, o Flamengo não cita qual seria a forma de pagamento da venda dos 4 milhões de euros. Mas, segundo apurou a reportagem com fontes do Ninho do Urubu e ligadas ao jogador, o Al Nasr pagaria 3 milhões de euros à vista e o restante, 1 milhão de euro, em junho de 2021. Com o “ok” da diretoria rubro-negra para negociar Everton Ribeiro, o clube dos Emirados Árabes iniciou as conversas com os empresários do meia, que são da empresa Brazil Football.As negociações do Al Nasr com os representantes avançaram e chegaram a um acordo: contrato de três anos, com o dobro do salário que Everton Ribeiro recebe atualmente no Flamengo, além de ter direito a casa, carro e escola para os filhos, o que é comum em transações envolvendo clubes dos Emirados Árabes.

Porém, nas últimas horas, o Flamengo voltou atrás, exigiu aumento na proposta por Everton Ribeiro e pediu 7 milhões de euros. O CEO do Al Nasr, Saeed Ali Al Amri, não gostou da postura do Rubro-Negro e entendeu como “não cumprimento de acordo”, mesmo sabendo que no documento assinado por Bruno Spindel o prazo de validade da oferta era de três dias. Com isso, a negociação congelou, mas pessoas envolvidas na transação tentaram a última cartada: o time dos Emirados Árabes pagar 6 milhões de euros e não mais 4 milhões de euros e 2 milhões de euros por bônus. 

O Al Nasr recebeu a contraproposta e dará uma resposta nas próximas horas ao Flamengo. Caso a negociação com Everton Ribeiro não se concretize, os “sheiks” tentarão o atacante Marinho, do Santos, outro jogador que está na mira desde 2020. Como a janela de transferência nos Emirados Árabes fecha no dia 1º de fevereiro, eles têm pressa para resolver a situação.

Everton Ribeiro chegou ao Flamengo em 2017, aos 28 anos, custando “apenas” 22 milhões de reais. Quatro temporadas depois e com idade mais avançada, o Rubro-Negro tem a chance de negociar o meia, recuperar o investimento e ainda lucrar em cima do camisa 7, que vê a possibilidade de fazer um contrato milionário aos 31 anos.

INTERESSE ANTIGO:

O desejo do Al Nasr em ter Everton Ribeiro começou em setembro de 2020. Na ocasião, representantes do time dos Emirados Árabes almoçaram com o jogador e seus empresários em uma churrascaria no Rio de Janeiro. No encontro, o meia do Flamengo e o seu filho foram presenteados com uma camisa do clube de Dubai. 

Uma proposta chegou a ser feita, mas o Flamengo descartou qualquer possibilidade de fazer negócio, pois o time estava em um momento decisivo na temporada 2020. De lá para cá, eliminações na Copa do Brasil e Libertadores vieram e a incerteza de título do Brasileirão também. Com isso, a diretoria vê a necessidade de negociar jogadores para cumprir a meta estabelecida em orçamento com arrecadação em venda: R$ 168 milhões.

Com as vendas de Lincoln (R$ 15 milhões) e Yuri César (R$ 32 milhões), o Flamengo já conseguiu chegar a R$ 47 milhões. Caso a negociação com Everton Ribeiro com o Al Nasr seja concretizada, o Rubro-Negro dará um importante salto para conseguir atingir o planejamento. As próximas horas serão importantes para o futuro do camisa 7 da Gávea.

+ NOTÍCIAS

Léo Pereira quer sair; Flamengo pede mais dinheiro e dificulta

VENDIDO! Flamengo vende Yuri César por R$ 32 milhões de reais

‘Problema é do Grêmio’, diz Renata Fan sobre Renato Gaúcho ‘Entregar’ contra o Fla

Por: Odia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui