Continua após a Publicidade

O atual campeão renasceu e não foi porque venceu o Palmeiras por 2 a 0 com uma boa atuação e sorte.

O time de Rogério Ceni depende apenas de si para faturar a segunda taça seguida.

Continua após a Publicidade

Com 55 pontos em terceiro e com um jogo a menos (30 a 31), terá duelos contra o líder Inter (59) e o São Paulo (57). Serão jogos decisivos, nas duas últimas rodadas, para tirar a pequena diferença.

Nessa jornada, o Flamengo ganhou aliados: confiança e atitude. É claro que não chega aos pés daquele time que encantou no ano passado, mas voltou a ter consistência.

O domínio no meio-campo contra o Palmeiras é a prova disso. Uma vitória com simbolismo importante. Em 2019, o triunfo contra o Verdão por 3 a 0, no Maracanã, foi um início de disparada para o título.

+ Flamengo é condenado a pagar quantia milionária a Marcelo Cirino

Essa foi a segunda vitória consecutiva do Flamengo sem sofrer gols e o primeiro triunfo contra um time do G-6.

Até então, o rubro-negro tinha empatado três jogos e sofrido três derrotas. Apenas seis pontos conquistados de 21 possíveis. Mais um motivo para valorizar a vitória sobre o Palmeiras.

O brilhante ataque de 2019, com a dupla Bruno Henrique e Gabigol, ainda está devendo, mas existem opções no elenco para Rogério Ceni.

Chegou a hora dos atacantes rubro-negros funcionarem e assumirem responsabilidades. O título pode passar pelo novo sucesso deles.

O reserva Pedro é melhor nesse Brasileirão com 12 gols. Gabigol, artilheiro do campeonato no ano passado, soma oito. Bruno Henrique fez apenas seis.

E olha que o Flamengo tem o segundo melhor ataque da competição com 52 gols, ao lado do Atlético-MG. Ambos com um jogo a menos. O Inter é superior com 53 bolas nas redes.

Dos oito jogos que restam, o Flamengo disputará quatro em casa e quatro como visitante. Não serão confrontos fáceis.

Além do líder Inter (casa) e do vice-líder São Paulo (fora), o rubro-negro visitará o Athletico, Grêmio, Sport e Bragantino.

Como mandante, terá um clássico regional contra o desesperado Vasco de Luxemburgo e o Corinthians que sonha com uma vaga na Libertadores.

A ordem é não vacilar! As duas derrotas seguidas para Fluminense, na 28ª rodada, e Ceará, na 29ª, serviram de alerta para o rubro-negro. Seis pontos que hoje deixariam o clube tranquilo na liderança, dois pontos à frente do Inter.

Se o Flamengo será campeão de fato, só vamos saber nas duas últimas rodadas contra os líderes.

Eu acredito nesse título e tenho certeza de que o Brasileirão terá emoção até o fim!

Michael desperta interesse de clube árabe e seu empresário reúne com Braz

Veja os oito jogos restantes do Flamengo no Brasileirão:
24/1 – Athletico-PR x Flamengo
28/1 – Grêmio x Flamengo
1/2 – Sport x Flamengo
7/2 – Flamengo x Vasco
13/2 – Bragantino x Flamengo
17/2 – Flamengo x Corinthians
21/2 – Flamengo x Internacional
24/2 – São Paulo x Flamengo

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui