Sede do STJD (Imagem: Divulgação)
Continua após a Publicidade

Frequentemente envolvido em ações no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o Flamengo recebeu uma nova punição nesta sexta-feira (18). O caso foi julgado nesta semana, mas o acontecimento que dá base à acusação ocorreu no ano passado.

Em 2021, o Rubro-Negro desrespeitou o prazo de liberação dos ingressos para o jogo contra o Atlético-MG. O caso não passou batido e foi denunciado na Justiça, que determinou o pagamento de uma multa de R$ 30 mil.

Continua após a Publicidade

O valor total será dividido entre a CBF e instituições indicadas pelo STJD. No caso da entidade, ela ficará com metade da quantia (R$ 15 mil). O restante será repassado da seguinte forma: R$ 7,5mil para o Centro de Educação Integrada Craques a Vida, e R$ 7,5mil para a Associação Comunitária Luz e Vida à pessoa com câncer.

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui