Gerson e Ramirez, disputam bola no polêmio jogo Flamengo 4x3 Bahia — © Reprodução
Continua após a Publicidade

Flamengo e Bahia jogaram no estádio Maracanã neste domingo(20). A partida terminou com a vitória do rubro-negro por 4 a 3 de virada no finalzinho. Os gols do Mengão foram marcados por Bruno Henrique, Pedro, Isla e Vitinho.

Infelizmente, um lance absurdo manchou a grande partida jogada dentro de campo entre as equipes, o meia Ramirez, do Bahia chamou o volante Gerson do Flamengo de negro em tons racista, ele falou: “cala a boca, negro”.

Continua após a Publicidade

Vários profissionais da área estão se solidarizando com o jogador do Flamengo. O Vasco, que sempre foi rival do Flamengo dentro e fora de campo, deixou uma nota a respeito do ocorrido, veja abaixo:

O Gerson, explicou o acontecido após o apito final:

“Jogo muito difícil desde os dez minutos do primeiro tempo. Perdemos um jogador muito importante, mas o time foi forte. Tomamos a virada, não desistimos e corremos atrás da vitória. Quero falar uma coisa: tenho muitos jogos como profissional e nunca vim falar nada porque nunca sofri esse preconceito. Quando tomamos um gol, o Bruno Henrique ia chutar uma bola, o Ramirez reclamou e fui falar com ele, que disse: “Cala a boca, negro”. E o Mano precisa aprender a respeitar as pessoas”.

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui