Gerson e Ramirez, disputam bola no polêmio jogo Flamengo 4x3 Bahia — © Reprodução
Continua após a Publicidade

Após a vitória do Flamengo por 4 a 3 contra o Bahia, no Maracanã, na noite do último domingo (20), Gerson alegou ter sofrido injúria racial de Índio Ramirez, do Tricolor de Aço. E o portal Globo Esporte divulgou o trecho do lance apontado pelo meia rubro-negro.

Após marcar o primeiro gol do time baiano, Ramirez se irritou ao ver Bruno Henrique simular a saída de bola e xingou Gerson quando foi procurado para diálogo.

Continua após a Publicidade

“O Ramírez, quando tomamos acho que o segundo gol, o Bruno fingiu que ia chutar a bola e ele reclamou com o Bruno. Eu fui falar com ele e ele falou bem assim para mim: “Cala a boca, negro”. Eu nunca falei nada disso, porque nunca sofri. Mas isso aí eu não aceito“, afirmou Gerson na saída do campo.

https://publish.twitter.com/?query=https%3A%2F%2Ftwitter.com%2F_MengoNews%2Fstatus%2F1341343707795251204&widget=Tweet

Agora, o meio-campista do Flamengo vai prestar depoimento na manhã desta terça-feira (22), numa delegacia do Rio de Janeiro. Ramírez, o técnico Mano Menezes e o árbitro Flavio Rodrigues de Souza também serão intimados para falar sobre o fato.

+ Neymar posta mensagem para Gerson, do Flamengo, vítima de racismo

Com a derrota para o Flamengo por 4 a 3, Mano Menezes foi demitido do comando do time do Bahia pela série de resultados ruins no Brasileirão. Já Ramirez, uma aposta do clube nordestino, foi afastado até o fim da apuração do caso de racismo contra Gerson.

Fonte: Hashtag Rubro-Negro

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui