Ministério da Saúde libera volta de público aos estádios no Brasil

O Ministério da Saúde aprovou o plano da CBF para volta de público no Brasileiro em ofício enviado nesta segunda-feira. Inicialmente, está prevista a capacidade de 30% dos estádios. Para a volta definitiva do público, faltam regras de autoridades municipais com regulações sanitárias e uma reunião com clubes para definir quando ocorrerá o retorno no campeonato.

O ofício é assinado pelo secretário-executivo do Ministério da Saúde, Antônio Élcio Franco Filho, em resposta ao plano enviado pela CBF. Pelo documento, está permitido a volta de 30% do público com possibilidade de aumento gradual de acordo com cenários epidemiológicos de cada município. A liberação já é válida.

A maioria dos clubes da Série A é favorável à volta do público aos estádios e, por isso, a CBF tenta acelerar a medida. Por isso, enviou o plano para o Ministério da Saúde que tinha aprovado um protocolo anterior da volta do futebol sem presença de público.

No Rio de Janeiro, a prefeitura do Rio já aprovou o retorno de torcedores em outubro em jogo do Flamengo no Maracanã. O clube pressiona para que a CBF libere essa medida já nesta data. Pressionada por clubes de outros Estados, a CBF, em princípio, deve adotar uma volta uniforme de público em todo o país, e não apenas em alguns Estados.

Por: Blog do Rodrigo Mattos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui