‘Próxima ao ridículo’, diz Galvão sobre defesa do Flamengo sem Rodrigo Caio

Após a definição dos times vitoriosos nas quartas de final, que seguirão para as semifinais da Copa do Brasil, o programa “Seleção SporTV” avaliou as partidas ocorridas ontem (18).

VEJA TAMBÉM: Queda na Copa do Brasil, pode impedir Fla de fechar contratos já programados

Ao analisarem o jogo entre São Paulo e Flamengo, os comentaristas fizeram suas colocações. Indignado com diversos erros cometidos pelo elenco do rubro-negro no duelo, mas principalmente sobre o pênalti perdido por Vitinho, Galvão Bueno disparou:

“O Everton Ribeiro, ele é o camisa 10 na Seleção, na ausência do Neymar, ele bate todas as faltas na seleção brasileira. Na véspera, ele bate todos os escanteios, ele bate as faltas de cruzamento. Aí, chega a hora do pênalti, a responsabilidade do pênalti…ele tá com a bola na mão. O cara (Vitinho) vai lá e tira a bola da mão dele?”, disse o narrador.

VEJA TAMBÉM: São Paulo tira onda com o Flamengo nas redes sociais; veja

Em seguida, Galvão falou sobre o setor defensivo do clube. De acordo com ele, Maurício Isla, Rodrigo Caio e Filipe Luís são essenciais para o time. O comentarista ainda continuou:

“Cada vez que o adversário ataca, é um transtorno. O Flamengo tem um problema seríssimo na defesa. Desestabiliza o time inteiro…Essa defesa do Flamengo sem o Rodrigo Caio e Filipe Luís é próxima ao ridículo”, completou o radialista.

Com a defesa vazada por 16 vezes em 6 jogos, o Mais Querido confrontará o Coritiba neste sábado (21), às 19h (horário de Brasília), pela 22ª rodada do Brasileirão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui