“Palhaçada antiga” diz Braz sobre choro do presidente do Inter

Neste domingo, o Flamengo enfrentará o Internacional, no estádio Beira-Rio, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Durante a semana, antes mesmo da última rodada da primeira fase da Libertadores, o presidente do colorado, Marcelo Medeiros, criticou a escolha da CBF para o comando do VAR.

O goiano Elmo Alves Resende, estava presente no jogo entre São Paulo x Grêmio, onde o tricolor afirma ter sido “roubado”, no Morumbi.

“Não vejo com bons olhos. É o jogo mais importante da rodada. Depois do episódio do jogo do Grêmio, ele deveria ter sido preservado para evitar maiores polêmicas. Não vi até agora uma explicação da CBF sobre a troca do arbitro de vídeo (no jogo São Paulo x Grêmio). Isso tem que ser explicado, tem que ter uma explicação. O Inter não fará nada. O melhor era dar uma partida de menos destaque para ele atuar, mas já houve a indicação.”, disse o presidente ao site GaúchaZH.

A bronca do comandante do Inter, chegou até o Flamengo, Marcos Braz criticou a postura de Marcelo Medeiros, afirmando que esse tipo de posicionamento, poderia prejudicar muito a atuação do trio de arbitragem na partida.

“É ruim essa fala do presidente. Não pelo Flamengo, mas é ruim pro trio de arbitragem que chega pra apitar o jogo. Isso aí é antigo, é palhaçada antiga. Ano passado já teve isso, esse ano começa a ter isso. É muito ruim as pessoas começarem a querer pressionar a arbitragem. É muito ruim ficar nessa situação. O árbitro já chega pressionado.”, disse Braz ao canal Dando Choque.

Ajude o Flamengo: Seja sócio torcedor

Qual seu palpite para Internacional x Flamengo ?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui