Fla emite nota sobre casos de COVID-19

Seis jogadores do Flamengo e o vice-presidente de futebol Marcos Braz testaram positivo para COVID-19 no Equador, onde o time rubro-negro disputará jogo contra o Barcelona de Guayaquil, na próxima terça-feira, pela 4ª rodada da fase de grupos da Conmebol Libertadores.

A informação é do jornal ‘O Dia’ e do ‘Globo Esporte’. Posteriormente, o time carioca confirmou a situação em suas redes sociais (leia comunicado abaixo).PUBLICIDADE

De acordo com os veículos, os contaminados são os laterais-direitos Isla e Matheuzinho, o lateral-esquerdo Filipe Luís, o meia Diego e os atacantes Michael e Bruno Henrique. Além deles, Braz também testou positivo para a presença do novo coronavírus.

Agora, o Fla aguarda a contraprova da testagem da Conmebol para saber se poderá escalar os jogadores contra o Barcelona, na terça-feira. Em contato com o ‘Globo Esporte’, a entidade que rege o futebol sul-americano informou que a partida não será adiada, argumentando que os clubes foram liberados a inscreverem até 50 jogadores na competição justamente prevendo situações como essas.

Os atletas da base que estão no Brasil, inclusive, foram colocados de sobreaviso para possíveis viagens de emergência ao Equador para completarem a delegação. O duelo entre Flamengo e Barcelona será na terça-feira, às 19h15 (de Brasília).

A equipe rubro-negra vem de dura derrota por 5 a 0 para o Independiente Del Valle e está em 2º lugar da chave, com 6 pontos, enquanto a equipe de Guayaquil é a lanterna, ainda zerada.

Comunicado emitido pelo Flamengo:

O Clube de Regatas do Flamengo informa que seis atletas testaram positivo para Covid-19 em exame realizado antes da partida contra o Barcelona de Guayaquil, pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Os atletas estão assintomáticos, em isolamento na concentração e assistidos pelo Departamento Médico do clube.

Por: ESPN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui