Jornalista Juca Kfouri (Foto: Reprodução)
Continua após a Publicidade

Há quase dois meses no Flamengo, Rogério Ceni ainda não conseguiu mostrar para diretoria e para torcida para que veio. À frente do clube, são 48% de aproveitamento e está vendo o título do Campeonato Brasileiro se distanciando ainda mais. Para o jornalista Juca Kfouri, o treinador está receoso de repetir o que aconteceu com o Cruzeiro, em 2019.

+ Organizada do Flamengo emite nota cobrando e questionando departamento de futebol

Continua após a Publicidade

Na época que assumiu o clube mineiro, Ceni não conquistou o vestiário devido a pressão de alguns medalhões daquele elenco. De acordo com Juca, o treinador estaria agora tentando virar amigo dos jogadores, sobretudo com as estrelas do elenco.

“Tem gente achando que ele na entrevista coletiva entregou os jogadores, culpou os jogadores pela falta dos gols, demonstrando que o esquema dele está certo, o Flamengo cria, não põe para dentro e não é culpa dele, Eu tenho a sensação inversa, que, escaldado pelo que aconteceu no Cruzeiro, ele está muito respeitoso em relação às estrelas rubro-negras. E está querendo ser mais amigo do que comandante, o que é típico de quem ainda tem que criar uma certa casca como treinador, casca essa que evidentemente ele não tem”, disse ao podcast “Posse de Bola”, do Uol Esporte.

+ 100 mil novas contas digitais no BRB foram geradas após parceria com o Flamengo

Em busca de respirar mais aliviado, o Flamengo tem pela frente o Ceará, neste domingo, pela 29ª rodada do Brasileiro. Uma vitória no Maracanã mantém acesa a chama do Rubro-Negro em busca do seu oitavo título da competição.

Por: ODia

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui