Continua após a Publicidade

O Flamengo anunciou seu novo técnico, menos de 24h após a demissão de Domènec Torrent. Rogério Ceni chega para comandar o rubro-negro, o técnico receberá mais que o dobro do que recebia no Fortaleza.

Novo técnico do Flamengo, Rogério Ceni terá um aumento bastante significativo no aspecto financeiro. No clube carioca, o treinador de 47 anos ganhará mais de R$ 700 mil mensais, o que representa mais do que o dobro do que ele tirava no Fortaleza.

Continua após a Publicidade

VEJA TAMBÉM: Saiba qual será a provável escalação do Flamengo para o jogo contra o São Paulo

No clube cearense, Ceni ganhava um salário de R$ 250 mil até o fim de 2019, quando renovou com o Fortaleza e teve um reajuste, passando a receber R$ 320 mil.

O contrato de Ceni com o Fortaleza caminhava para o fim, e a melhor perspectiva na cabeça do torcedor são-paulino era de que o treinador pudesse retornar ao Morumbi em 2021, após a saída do desafeto Leco da presidência.

Em relação ao atual técnico tricolor, Fernando Diniz, Rogério Ceni ganhará no Flamengo quase três vezes mais. O treinador do São Paulo tem hoje um salário que gira em torno de R$ 250 mil — sendo R$ 280 para toda comissão técnica.

VEJA TAMBÉM: Ótima notícia! Arrascaeta treina sem nenhuma limitação

O São Paulo queria reduzir o valor gasto com o estafe depois da saída de Cuca no ano passado — o valor à época superava os R$ 500 mil mensais. Então coordenador técnico, Vágner Mancini receberia cerca de R$ 300 mil se fosse efetivado como treinador depois de deixar o cargo de gestão. Com a mudança de planos e a chegada do Fernando Diniz, o clube conseguiu economizar ainda mais.

Rogério Ceni estreia hoje (11) no comando do Flamengo, justamente em jogo contra o ex-clube São Paulo, no Maracanã, às 21h30 (de Brasília), pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Continua após a Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui